18 de jan de 2009

Instalação de Delegacias negras por Estado - SEPPIR

Brasília – A instalação de Delegacias Raciais em parceria com as Secretarias de Segurança Pública de cada Estado é o principal projeto do ministro deputado Edson Santos, da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) para deixar uma marca nestes últimos dois anos de Governo Lula. O ministro, que substituiu há um ano a ex-ministra Matilde Ribeiro, exonerada na esteira do escândalo dos cartões corporativos, quer deixar uma marca positiva da sua gestão - até o momento considerada apagada - e ampliar para todo país experiências que já existem em Estados como S. Paulo e Piauí.

A experiência nesses dois Estados, no entanto, não é muito animadora: as Delegacias sobrevivem sem recursos no orçamento, com pouco pessoal e passaram a ter apenas papel simbólico. A de S. Paulo foi recriada na curta gestão do jurista Hédio Silva Jr., na Secretaria de Justiça de S. Paulo, em 2.006, no Governo Alckmin/Cláudio Lembo e apesar dos esforços da titular, delegada Margareth Barreto, não passou de um ensaio. Funciona imprensada numa sala da Divisão de Proteção à Pessoa, do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil do Estado, no Centro de S. Paulo, sem qualquer estrutura. Continua...

: Redação - Fonte: Afropress - 9/1/2009

Nenhum comentário: