2 de mar de 2009

Observatório Racial registra 90 ocorrências em 4 dias

A quarta edição do Observatório da Discriminação Racial e da Violência contra a Mulher mudou a metodologia de trabalho este ano. Ao contrário das edições anteriores, o projeto, desta vez, não está voltado para a pesquisa. No Carnaval 2009, o Observatório funciona como uma espécie de central de denúncias que envolvam qualquer tipo de racismo.

Com um posto central de atendimento na Ladeira de São Bento, o Observatório já registrou, desde a quinta-feira até as 9 horas de hoje (segunda-feira), 90 ocorrências. A maioria delas está relacionada à violência contra ambulantes, catadores de latinhas e cordeiros. Equipes volantes fazem plantão nas principais áreas da festa e mais de 50 profissionais estão envolvidos no projeto. Entre eles, advogados, comunicadores, assistentes sociais, técnicos de saúde e servidores públicos que trabalham simultaneamente.

Fonte: http://www.jornaldamidia.com.br/noticias/2009/02/23/Bahia/Observatorio_Racial_registra_90_o.shtml

Um comentário:

Anônimo disse...

Amigos, segue mensagem que mandei para o canal Multishow a respeito de um novo programa do tipo "Reality Show" que vai entrar no ar em pouco tempo. Caso queiram entender melhor, vão a www.multishow.com.br e procurem a chamada para o programa Casa da Beleza, ou algo assim. Eis o e-mail:
"Amigos, não sei o que é pior: o preconceito racial que vocês escancaram ao escolher duas dúzias de mulheres brancas para esse programa; ou a falta de visão. Não há uma negra ou mulata na relação. Não percebem que poderiam ganhar em divulgação caso representassem todas as raças brasileiras? Que poderia ser um chamariz pôr uma mulher de origem indígena, por exemplo? O preconceito racial de vocês é enorme, o que os deixou burros."
Jonas Gusmão
jjgusmao@bol.com.br